Um conceito íntimo, exclusivamente dirigido ao universo feminino. Pela primeira vez uma marca vai tratar a VAGINA por TU, sem medo e com um sorriso – porque mais de metade da população mundial tem uma!

 

Deixar cair tabus e abordar, de frente, temas como a não-dor na relação sexual, a prevenção da incontinência urinária ou as alterações no prazer sexual, entre outros problemas satélite, é a missão do projeto UM SORRISO NOS LÁBIOS que pretende apresentar soluções não só à MULHER, à MAMÃ, mas também ao CASAL, em respostas que acabam por ser usufruto do par.

Relações Sexuais com Dor – o fim!

Por uma comunidade de vaginas muito mais fortes, felizes e saudáveis, informamos que a dor durante o ato sexual, apesar de frequente, tem os seus dias contados. UM SORRISO NOS LÁBIOS trata as vaginas das mulheres ocidentais com o mesmo cuidado com que o fazem no oriente, há séculos. A frequência de mulheres que assumem dores durante o ato sexual é muito superior ao estimado, graças a um silêncio envergonhado.

A existência de cicatrizes na vagina com origem em partos ou em cirurgias (nomeadamente do fórum oncológico) exige um cuidado superior de profissionais especializados nesta área do corpo tão sensível, o que não é habitual em Portugal. Pelo contrário, nestes casos as MULHERES são sujeitas a alguma ligeireza, e as consequências são inimagináveis ao nível do desconforto aquando do regresso à atividade sexual, situação que pode e deve ser evitada em tempo útil.  Estas cicatrizes exigem abordagem especifica por forma a evitar aderências, e/ou fibroses, grandes responsáveis pelas dores referidas.

Em casos de pós-parto, as abordagens serão muito mais eficazes se o acompanhamento ocorrer ainda durante a gravidez, não só porque assim se desenvolve proximidade e confiança entre a terapeuta e a futura-mamã, mas também porque todo o processo é controlado ao nível da prevenção de contraturas da musculatura mais profunda do pavimento pélvico.

Curiosidade: a evolução da espécie assume a bipedia, uma posição desfavorável por ser perpendicular à gravidade que, na mulher, promove sintomas evidentes de incontinência urinária, alterações no prazer sexual ou diminuição da libido.

É assim que este projeto se ultrapassa a si próprio, desde a nascença, com caraterísticas muito vincadas de um movimento em prol de vaginas muito mais fortes, felizes e saudáveis. Seja qual for o desconforto.

Em contra-ciclo, o nome da marca é longo, mas com possibilidades de abreviatura e memorização (e especulação) dado o simbolismo dual do mesmo. A atração jornalística fica valorizada, pelo lado artístico com que todo este trabalho se reveste. De alguma forma, eclético.

A equipa do Sr. Luís Pedro é especialista e líder na criação e gestão estratégica de marcas. Por isso, começamos sempre por ouvir com atenção e perceber o empreendedor, para assim construir um diagnóstico forte e com músculo. Simples, mas eficaz. Diz-nos a experiência que saber detalhes, curiosidades e pormenores, aparentemente sem significado, podem ser importantes e diferenciadores para a mensagem. A partir daí sim, a folha em branco já sabe a história que a nova marca quer transmitir, onde e a quem quer chegar. E este estudo faz toda a diferença na construção de MARCADORES DE SUCESSO e de TRUNFOS DIFERENCIADORES de uma marca, fazendo parecer fácil a sua conquista de mercado e, mais tarde, a fidelização de clientes.

O logótipo é apenas parte da “história” que uma boa marca quer contar.

O branding é o primeiro elemento a nascer, mas deve apresentar, de forma subliminar, todos os valores da marca, a sua missão, os seus serviços, o que a distingue da concorrência, a sua superioridade quanto ao mercado, inovação, confiança, entre muitos outros valores, induzindo inconscientemente comportamentos de simpatia.

Ao desenvolvermos uma solução final de projeto de marca, temos de a pensar não de forma isolada (um logotipo) mas em todo um conceito – a forma como ele vai induzir comportamentos de consumo, a elasticidade da solução em redes sociais, estacionário, arquitetura (loja ou rede de lojas), merchandising e, neste caso, após a abertura do espaço piloto, a expansão do projeto em regime de franchising.

Mamãs e mulheres, estão convocadas!!!

Não é suposto ter dor durante o ato sexual. O projeto UM SORRISO… quer vaginas que ouçam, falem e olhem. Pelo fim das vaginas amordaçadas, reféns ou prisioneiras do silêncio.

É por isso que estamos a construir uma comunidade de vaginas muito mais fortes, felizes e saudáveis. Seja qual for a causa do desconforto.

Luis Pedro

Author Luis Pedro

More posts by Luis Pedro

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.